O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Medidas higienistas

Prédio carioca instala dispositivo para afastar moradores de rua

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Prédio instala 'chuveiros' em marquise e causa polêmica em Copacabana, Zona Sul do Rio

Dispositivo foi instalado pelo condomínio do Edifício Roxy, onde funciona um dos cinemas mais tradicionais da cidade

Um chuveiro improvisado instalado na marquise do Edifício Roxy, na esquina da Rua Bolivar com Avenida Nossa Senhora de Copacabana, se transformou em motivo de controvérsia. Em tese, o dispositivo foi colocado no local para a irrigação de um canteiro. No entanto, segundo moradores do bairro, o dispositivo foi instalado para retirar pessoas em situação de rua que dormem sob a marquise do imóvel.

"Colocaram aquelas saídas de água para inibir a concentração de moradores de rua no local. Compreendo que não é a solução mais adequada, mas, diante da inoperância do poder público para resolver o problema e me colocando no lugar dos que moram no prédio, acho que foi uma forma alternativa para resolver o problema, embora esta medida não seja a mais indicada. Há várias reclamações de consumo de drogas e brigas no local", disse o presidente da Sociedade Amigos de Copacabana, Horácio Magalhães.

Uma equipe da TV Globo esteve no local na manhã desta segunda-feira (7) para falar com o síndico do prédio, mas ele não foi encontrado. No entanto, funcionários do condomínio confirmaram que o dispositivo foi mesmo instalado para evitar que as pessoas em situação de rua se concentrem sob a marquise.

A Subsecretaria Municipal de Urbanismo enviou um técnico para fazer uma vistoria no local. O órgão informou que, como se trata de um imóvel tombado pelo Instituto Rio Patrimônio da Humanidade (IRPH), trata-se de um fato inusitado, já que não há legislação específica para o caso.

Ainda segundo a subsecretaria, caso o relatório técnico identifique alguma irregularidade na fachada, o IRPH acionará o proprietário do imóvel e solicitará a retirada do chuveiro.

"Essa situação é absurda, um ato de desumanidade. Devido à legislação, não podemos obrigar o morador de rua a permanecer em abrigos, mas isso não dá liberdade para que os proprietários do prédio utilizem esse tipo de violência contra quem está ali. Não vamos permitir isso. Procuraremos o síndico e, caso necessário, multaremos o condomínio", disse a secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Teresa Berger.

No primeiro andar do prédio, funciona o Cinema Roxy – fundado em 1938, é um dos mais antigos e tradicionais da cidade. A assessoria de imprensa do Grupo Severiano Ribeiro, proprietário do espaço, negou que o chuveiro tenha sido instalado pela sala exibidora.

Fonte: http://g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...