O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Meio ambiente

RJ ainda engatinha no conceito de prédios sustentáveis

Publicado em: sexta-feira, 3 de outubro de 2014

No Rio, só 21% dos novos prédios têm itens sustentáveis

Dos 356 empreendimentos lançados no Rio entre janeiro de 2012 e abril de 2014, só 76, ou 21%, previam a instalação de algum item sustentável. Ainda é pouco, mas mostra que, pelo menos nos novos edifícios, a sustentabilidade já começa a entrar pela porta da frente, mesmo que por razões meramente econômicas. E, muitas vezes, devido a exigências legais.
 
Isso fica claro com a análise dos equipamentos mais comumente instalados pelas construtoras. Um levantamento feito pelo Secovi Rio nos 76 empreendimentos com itens sustentáveis mostra que o mais comum é o medidor individual de água.
 
Presente em 60% desses edifícios, o hidrômetro individual em novas edificações é uma obrigação legal na cidade desde março de 2011. Em seguida, vêm os sensores de presença, instalados em 56% dos 76 prédios, e os sistemas para reaproveitamento de água da chuva, em 40%. Soluções que visam a diminuir dois dos maiores gastos de condomínios: luz e água. Ou seja, o peso no bolso ainda é o que mais conta.
 
“O importante é que algo vem sendo feito. E o que a gente percebeu é que os condomínios com esses itens têm maior liquidez. Ou seja, as pessoas já estão cobrando a sustentabilidade e é isso que vai fazer a indústria investir cada vez mais nesses itens” afirma Ronaldo Coelho Netto, vice-presidente administrativo do Secovi-Rio.

Fonte: http://www.secovirio.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...