O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Mercado

Mercado aquecido

Condomínios-clube atraem pela área de lazer para famílias grandes

Publicado em: terça-feira, 8 de julho de 2014

Condomínios-clube são alternativa segura para moradia

Opção é procurada mais por casais com filhos. "Desejam ter lazer diversificado sem sair de casa", afirma corretor
 
Cinema, parque, academia e piscina... Essa lista poderia ser a descrição da estrutura clube, mas pode se encaixar em mais de 50% dos empreendimentos lançados nos últimos anos na Bahia: os condomínios-clube.
 
Foi a estrutura completa de um empreendimento que encantou a família do empresário Valter Santana, 48 anos. “Tenho filhos pequenos e cada vez mais a violência está tomando conta das cidades. Saber que tenho uma área de lazer completa para meus filhos me dá conforto”, conta Santana, que pagou R$ 800 mil por um imóvel do tipo. 
 
Murilo Correia, diretor de vendas da Lopes Bahia ressalta que o mercado de condomínios-clube na região de Salvador é muito recente. “Empreendimentos do tipo começaram a ser entregues na capital recentemente, como o Le Parc, no bairro da Paralela, além do Hemisphere 360 no bairro Patamares, que está com as obras em andamento. A aceitação por parte dos compradores tem sido positiva e os cases citados são sucessos de vendas. São empreendimentos fechados de alto padrão com segurança, itens de clube disponíveis para os moradores, como complexo de piscinas, academia, spa, restaurantes e outros”, diz. 
 
O corretor de imóveis Rubens Oliveira destaca que, geralmente, o público que opta por esse tipo de empreendimento é formado por casais com filhos, em sua maioria. “No passado, surgiram os condomínios fechados, mas eles se tornaram insuficientes para atender às necessidades das famílias. Hoje, não basta ter portaria 24 horas e muros. As famílias são os principais compradores desse tipo de empreendimento porque desejam ter lazer diversificado sem sair de casa”, revela. 
 
Oliveira destaca ainda que a dificuldade em encontrar terrenos para construir vários empreendimentos  é outro motivo que favorece a abundância de condomínios-clube. “Como há pouco espaço para novos empreendimentos, as empresas optam por fazer grandes condomínios com variadas áreas de lazer disponíveis para os moradores. Isso ocupa menos espaço e acaba sendo um diferencial para o empreendimento no geral”, argumenta. 
 
E quando se fala de lazer não é só quadra de esporte ou piscina. Em Feira de Santana, por exemplo, a Damha Urbanizadora está construindo condomínios como Village Damha  I e II que, além de quadras  poliesportivas, possui  piscinas adulta e infantil, playground e um centro de convívio para estimular a integração entre seus moradores. 
 
Benefícios
O Parque Tropical, empreendimento que está sendo construído pela Odebrecht Realizações Imobiliárias (OR) na região de Patamares em uma área de 33 mil m² tem ampla área de lazer. Cada subcondomínio dispõe de infraestrutura privativa equipada com piscina de adulto e infantil, parque infantil, salão de festas e praça de convivência. 
 
As torres de quatro suítes contam ainda com quatro coberturas equipadas com espaço gourmet e piscina. Na área comum do empreendimento, são 11 mil m² de área verde, equipados com ambientes temáticos, uma quadra poliesportiva e uma quadra de tênis. 
 
Outro empreendimento que aposta no conceito é o Flex Piatã, da PDG. O empreendimento tem biblioteca, churrasqueira, brinquedoteca, sala de TV, salões de festas, fitness, quadra poliesportiva, salão de jogos e piscina. Mas, a grande quantidade de itens de lazer não significa preço alto. O Flex Piatã, por exemplo, tem preço a partir de R$ 190 mil.
 
De acordo com o diretor de incorporação da PDG, Rodrigo Alves, a ideia de residir em condomínio-clube traz vantagens para toda a família. “Há estrutura completa para entreter crianças, adolescentes e adultos, além de oferta de serviços sem a necessidade de sair de casa”, comenta.
 
O empreendimento Horto Barcelona, da  Prima Empreendimentos Inovadores, que está sendo construído no Horto Florestal, em Salvador, também aposta no amplo portfólio de lazer para atrair moradores. O condomínio está sendo construído com quadra de squash, brinquedoteca, fraldário, parque infantil, piscina com deck, espaço gourmet, fitness, sauna e quadra poliesportiva. Além disso, uma trilha ecológica também compõe o espaço de lazer comum para os moradores do empreendimento que tem apartamentos a partir de R$ 1,2 milhão. 
 
Natureza
 
O contato com o meio ambiente é um diferencial dos condomínios-clube. O  Iberostate Praia do Forte, no Litoral Norte, tem  mais de 200 hectares de área verde de frente para o mar com  área de lazer dos condomínios e de uma série de serviços exclusivos.
 
São quadras de tênis e squash, academia, clube social, quadras poliesportivas, pista de cooper, farmácia, centro médico, heliporto, beach club, áreas de recreação infantil e  lounges. 
 
Os compradores de imóveis nos condomínios de casas do empreendimento ainda contam com  as comodidades oferecidas por dois hotéis cinco estrelas, que fazem parte do complexo onde o empreendimento funciona. 
 
Um dos primeiros condomínios verticais de alto  padrão da orla de Jaguaribe, o Première Jaguaribe tem áreas de lazer setorizadas com espaços infantil, juvenil e adulto, além de área zen. As áreas comuns estão sendo entregues equipadas e decoradas para os futuros  moradores. 
 
O empreendimento Hemisphere 360º, residencial da Queiroz Galvão em construção, no bairro de Pituaçu, tem unidades sendo vendidas por aproximadamente  R$ 1 milhão. As torres contam com acessos e infraestrutura de lazer e segurança independentes, divididas em dois blocos de condomínios.
 
Entre as opções para prática de esportes e entretenimento estão a brinquedoteca, área fitness, SPA, espaço gourmet, piscina, salão de festas, quadra de tênis, quadra poliesportiva, quadra de squash e pista de cooper. Durante a Copa do Mundo,  clientes que adquirirem unidades do empreendimento, ganharão, além dos benefícios do condomínio-clube, um  projeto de decoração de interiores assinado pela arquiteta Margarete Iglesias.

Fonte: http://www.correio24horas.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...