O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Programa para síndicos

Empresa lança capacitação inédita para os profissionais

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

APSA lança programa de parceria para síndicos profissionais

Programa inédito no mercado foi lançado no I Congresso APSA de Síndicos Profissionais, dia 24, em Copacabana

Empresa líder do segmento de administração condominial, a APSA lançou este mês um programa inédito de parceria para os síndicos profissionais do Rio. 

Segundo Fernando Schneider Diretor Superintendente da APSA, “com o programa, iremos formar muito mais do que síndicos profissionais, mas sim verdadeiros gestores de propriedades urbanas (GPU) com uma capacitação sólida e com diferencial único no mercado”.

O programa inicia com a Apsa chancelando todos os profissionais que participarem da certificação em GPU. A capacitação é composta por um módulo básico, um avançado e vários worshops. São mais de 100 horas multidisciplinares!

Uma vez GPU, estes profissionais podem aderir ao Programa de parceria Apsa. Os benefícios serão proporcionais aos níveis do programa. Logo no primeiro, os síndicos recebem acesso à relação de fornecedores no site da Apsa e auxílio no recrutamento de uma empresa de recursos humanos.

Já no segundo, terão acesso a mais benefícios, como ambientes exclusivos situados na Barra, Centro e Ipanema, pontuação no Clube de Vantagens APSA e uma ferramenta no site da APSA para auxiliar na administração  de toda a sua carteira de condomínios.

No último nível, por sua vez, contam com orientação e relatórios jurídicos diferenciados, além das indicações para atuar na função de síndicos em condomínios administrados pela APSA com reais possibilidades de ganhos financeiros.

Essas são apenas algumas das vantagens oferecidas aos futuros gestores de propriedades urbanas (GPU).

O lançamento do programa ocorreu no I Congresso APSA de Síndicos Profissionais, realizado no dia 24 de outubro, no Hotel Rio Othon Palace, com a presença de aproximadamente 180 síndicos profissionais que assistiram à palestra do técnico campeão do vôlei brasileiro Bernardinho.

Ele ressaltou como trabalho em equipe, motivação, comunicação e definição de metas são importantes na gestão do síndico profissional.

O evento contou com uma área destinada a network dos convidados e empresas de destaque no segmento, que apresentaram seus produtos e serviços (Grupo Coruja. Síndiconet, Gas Natural Fenosa (CEG), Corretora de Seguros APSA, SOMPO Seguros, Brylho, Ser-Tel, Grupomed Brasil).

Na apresentação do programa, Fernando Schneider elencou os fatores que motivaram a APSA a investir nessa inovação.

“A atividade de síndico vem crescendo em número nos últimos anos, mas sem uma formação direcionada que os capacite”, disse, destacando o crescimento de dez pontos percentuais em sete anos - de 2%, em 2010, para 12%, em 2017 - da parcela de condomínios do Rio que contratam síndicos externos.

Ele explica que essa tendência se deve, em parte, às configurações de vida dos moradores, que já não dispõem de tempo para esta atividade.

“Ao mesmo tempo, os condomínios ficam cada vez mais complexos, oferecendo uma gama de outros serviços além da moradia, como os ‘cinco em um’”, destaca, em referência àqueles que reúnem residências, escritórios, comércio, opções de lazer e até escolas.  

Para Schneider, esses condomínios que incorporam serviços “desoneram a cidade”, já que os moradores ganham alternativas aos deficientes serviços públicos.

Daí parte uma das maiores importâncias dos gestores de propriedades urbanas. Outra questão que ele destaca são a tributação e questões trabalhistas e burocráticas que passaram a fazer parte do cotidiano do síndico.

Para os síndicos profissionais, também há uma grande oportunidade financeira. Com as facilidades oferecidas pelo programa da APSA, os gestores podem economizar tempo e ampliar a carteira de condomínios, aumentando sua renda mensal.

“Em média, os síndicos trabalham em no máximo três condomínios. No GPU, a previsão é de que essa faixa aumente para de 12 a 15, ou seja, podem até quintuplicar sua receita”, afirma o diretor superintendente da APSA.

O executivo ressalta que a relação entre a administradora e esses profissionais é de ganho para ambos os lados. Por sua parte, a empresa desenvolve um vínculo mais forte com os condomínios e tem acesso a imóveis para locação e venda nesses locais.

“Muitas administradoras enxergam os síndicos profissionais como concorrentes e são contra a atividade”, diz, destacando o pioneirismo da APSA no segmento.

Para se candidatar ao programa ou saber outras informações, basta entrar no site da Apsa: http://apsa.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...