O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Segurança nas férias

Prédios devem prestar atenção a maior circulação de crianças

Publicado em: quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Condomínio em SP contrata salva-vidas para piscina no verão

Em outro prédio, segurança monitora as crianças. Moradores devem ficar atentos às regras sobre o uso da piscina.
 

 

Durante o mês de janeiro, a piscina se torna a principal opção de lazer das crianças nos condomínios. Mas se engana quem pensa que é só diversão. Para não haver problemas, algumas regras precisam ser seguidas. Em muitos condomínios de São Paulo, só os moradores usam a piscina. Os convidados não entram e a segurança fica por conta do salva-vidas.
 
No quadro "Meu Condomínio Tem Solução", do SPTV desta terça-feira (3), foi mostrado o caso de um prédio na Zona Leste da capital que tem 6 mil moradores, sendo 3.500 crianças. Durante as férias, grande parte delas vai para a piscina.
 
“Minha mãe fala para eu ficar aqui uma hora, que eu tenho que cuidar da minha cachorra, mas é férias”, diz Gustavo de Carvalho, de 8 anos.
 
Para que os pais fiquem tranquilos enquanto os filhos brincam na água, os moradores contrataram um salva-vidas para o período de verão. O salário dele é dividido entre os moradores e sai por menos de R$ 0,70 para cada apartamento por mês. “Quando não tem salva-vidas, a piscina fica fechada”, diz a síndica, Fernanda Toledo Mantovan.
 
Em outro condomínio, no bairro da Aclimação, Zona Sul, são 80 crianças que nesta época não saem da piscina. Lá é o segurança do prédio que não tira os olhos da água. E quem tem menos de 10 anos, só entra acompanhado dos pais.
 

Fonte: http://g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...