O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Segurança

Perícia aponta erro em projeto de prédio que desabou em Belém

Publicado em: quarta-feira, 3 de abril de 2013

 Três pessoa morreram em acidente ocorrido em janeiro deste ano

 
Adauto Rodrigues/29.01.2011/Diário do Pará/AE Engenheiro responsável será ouvido novamente
 
O laudo da perícia feita no prédio que desabou em Belém (PA) em janeiro deste ano apontou que houve erro no projeto do edifício. O documento foi divulgado na sexta-feira (15) e mostrou que um alguns pilares do prédio tinham ferros mais finos que o necessário para sustentar a estrutura.
 
Segundo o delegado que cuida do caso, o engenheiro responsável pelo projeto, Raimundo Lobato, deverá prestar depoimento na próxima semana. Só depois será decidido se ele será responsabilizado pelo acidente.
 
Há cerca de um mês, um laudo elaborado pela Universidade Federal do Pará, a pedido do Crea (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia), concluiu que o desabamento foi provocado por um erro de cálculo do efeito do vento. Contudo, o laudo da perícia não cita esse problema.
 
Três pessoas morreram na queda do prédio de 32 andares que ficava no bairro de São Braz, na região central de Belém. Dois eram operários que trabalhavam na construção. A outra vítima era uma mulher de 67 anos que morava em uma das casas próximas ao local do acidente.
 

 

 

Fonte: http://noticias.r7.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...