O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Sem tratamento

Suspensa construção de condomínio em Bauru devido a falta de esgoto

Publicado em: segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

 MPF recebe laudos de obra de condominío suspensa em Bauru

Documentos serão encaminhados agora para Justiça Federal. DAE e Cetesb se manifestaram desfavoravelmente ao empreendimento. 
 
O Ministério Público Federal de Bauru recebeu os laudos que confirmariam a impossibilidade de o Condomínio Residencial Pamplona concluir as obras. Elas estão suspensas há mais de dois meses por uma decisão liminar da Justiça Federal.
 
Departamento de Água e Esgoto (DAE) e Cetesb se manifestaram desfavoravelmente ao empreendimento com 400 lotes localizado às margens da Rodovia Bauru-Ipaussu. O DAE confirma que a construção prejudicaria o abastecimento de água de toda a cidade.
 
Isso porque o esgoto seria despejado diretamente no rio batalha sem tratamento. Uma estação de tratamento no local teria o custo de R$ 110 milhões.
 
Já a Cetesb afirma que, em uma inspeção realizada no último dia 24 janeiro, notou que a abertura de ruas está causando erosões, um problema que, aliás, precisaria de contenção imediata.
 
Foi constatado também o corte de árvores e vegetação nativas. A companhia vai cobrar a reparação do dano ambiental sob pena de aplicação de sanções. Os documentos deverão ser encaminhados agora à Justiça Federal.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...