O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Sexo na escada

Moradora é multada por conduta irregular de sua visitante, em SP

Publicado em: segunda-feira, 10 de junho de 2013

 Moradora do Copan é multada após visita fazer sexo nas escadas

Jovem flagrada cria 'vaquinha' na web para juntar R$ 678 e ajudar amiga. Síndico diz que caso será levado à Justiça. 'É atentado violento ao pudor'.
 
Uma moradora do bloco E do Edifício Copan, considerado um dos cartões postais da capital paulista, recebeu uma multa de R$ 678 do condomínio após um casal de visitantes do Rio de Janeiro ser flagrado fazendo sexo nas escadas que dão acesso ao terraço.
 
O caso ocorreu às 22h20 do último dia 27 de maio, quando o casal foi flagrado pelos seguranças nas escadarias. Eles entraram no edifício com autorização, mas não descerem no andar da amiga, mas no último do prédio.
 
Para ajudar a moradora, a jovem que fez sexo nas escadas criou um perfil no site “Vakinha” buscando arrecadar o dinheiro da multa da condomínio da amiga.
 
Localizado na Avenida Ipiranga, no centro de São Paulo, e projetado na década de 50 pelo arquiteto Oscar Niemeyer, o Edifício Copan tem 115 metros de altura e abriga 1.160 apartamentos divididos em seis blocos, além de uma área comercial no térreo.
 
Com o nome de Alana Milesi e residente no Rio de Janeiro, a garota que foi flagrada em pleno ato sexual nas escadas diz no perfil criado no "Vakinha":  “Aprontei um pouco demais da conta e acabei recebendo uma multa de R$678,00 por transar no último andar do Copan. agora quero ver ocês pingar e ajudar uma amiga que foi penalizada pelo universo apenas pelo fato de: ser transona. e quem tá se doendo são tudo uns virge”.
 
O perfil foi criado no dia 31 de maio e, desde então, a jovem mudou a cidade de residência, de Rio de Janeiro para São Paulo e também alterou sua idade. O perfil inicial indicava 24 anos. Atualmente, a jovem diz ter 25 anos.
 
 
O síndico do Copan, Affonso Celso Prazeres de Oliveira, confirmou que a multa foi dada para a moradora do bloco. O valor ainda não foi pago. “Ela tem 15 dias de prazo. A multa já foi dada, não vamos mais nos manifestar. Isso será levado ao Poder Judiciário. É atentado violento ao pudor”, afirmou Oliveira ao G1.
 
“O caso é público e clama para ser levado ao Poder Judiciário”, acrescentou. Ele não confirmou se registrou boletim de ocorrência sobre o caso.
 
A moradora alugou o apartamento há 30 dias, diz o síndico. “No bloco E há quitinetes e apartamentos de um quarto, inclusive apartamentos grandes, com 60 metros quadrados. Mas não podemos dar informações do morador”, afirmou.
 
O G1 não conseguiu contatar a moradora e o casal flagrado.
 
No perfil inicial que havia criado no “Vakinha”, Alana afirmou que havia viajado de férias para São Paulo e que ficou hospedada na casa da amiga no Copan.
 
Até a manhã desta sexta-feira (7), a vaquinha da garota, chamada de “Peripécias no Copan”, já havia recebido  9.493 visitas e recebido 41 mil compartilhamentos no Facebook. A arrecadação, porém, foi pequena até então: apenas R$ 20, a confirmar.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...