O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Susto em condomínio

Homem invadiu prédio para fugir de perseguição

quinta-feira, 18 de abril de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Homem invade condomínio para escapar de supostos assassinos em Itapuã

Segundo uma testemunha, o invasor tentava escapar de homens que o perseguiam para matá-lo por causa de uma dívida de drogas

Um homem invadiu um condomínio residencial no bairro Itapuã, em Vila Velha, e assustou moradores, no início da tarde de terça-feira (16). Segundo uma testemunha, o invasor tentava escapar de homens que o perseguiam para matá-lo por causa de uma dívida de drogas.

Toda a ação, ocorrida pouco antes das 13 horas, foi registrada por câmeras de segurança do condomínio, localizado na Rua Ayrton Senna. As imagens mostram o invasor, que usava uma camisa vermelha, caminhando pela calçada e, logo depois, pulando uma grade e correndo dentro do edifício.

Um porteiro chegou a pegar um pé de cabra para conter o homem. Mesmo assim, ele ainda consegue correr até ser alcançado e rendido por dois funcionários até a chegada da Polícia Militar. Segundo testemunhas, a PM e a Guarda Municipal revistaram o suspeito, constataram que não havia nada de ilícito com ele e o liberaram.

As imagens do circuito interno do condomínio, que é eletronicamente monitorado por 96 câmeras, também mostram um carro prata passando em frente ao prédio. Testemunhas disseram que no veículo estavam os homens que estariam querendo matar o invasor.

Uma testemunha, que não quis se identificar, disse que presenciou toda a ocorrência, pediu socorro à PM e acompanhou todo o trabalho da polícia. Segundo a testemunha, o invasor fugia com medo de ser assassinado.

"O rapaz chegou gritando, dizendo que queriam matar ele. Ele estava muito nervoso e correu para tentar ao máximo se esquivar aqui na frente do prédio. Ele passou para os policiais que estava com dívida de droga e estava fugindo para não ser morto", contou.

A testemunha disse ainda que a perseguição deixou os moradores do condomínio assustados. "Foi um pânico total, em um horário de alta circulação de pessoas chegando e saindo para as escolas, no horário de almoço. Foi realmente surpreendente", afirmou.

 

Fonte: www.folhavitoria.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...