O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Tratamento de esgoto

Condomínio deve tratar seus efluentes, em Curitiba

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Condomínio deve parar de lançar esgoto das casas nos rios Atuba-Bacacheri

Por determinação judicial, um condomínio residencial localizado no bairro Santa Cândida, em Curitiba, terá que implementar em até 30 dias um sistema de esgoto individual para paralisar o lançamento de efluentes domésticos em uma das nascentes do rio Atuba-Bacacheri. A decisão, em caráter de urgência, atende a pedido do Ministério Público do Paraná em ação civil pública ambiental.

Na ação, a Promotoria de Justiça de Proteção ao Meio Ambiente de Curitiba explica que recebeu denúncia de que o condomínio, situado na Estrada Guilherme Weigert, estava destinando seus efluentes sem tratamento em área de preservação ambiental.

Durante a investigação realizada pelo MPPR, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente confirmou que o esgotamento sanitário do empreendimento não foi instalado conforme o projeto apresentado pela construtora e aprovado pelo Município. Também no âmbito das investigações, a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) constatou forte odor e coloração escura no despejo final da estação de tratamento do condomínio.

A Promotoria ressalta que os efluentes não podem ser despejados diretamente no solo ou nos corpos hídricos e que, quando não houver disponibilidade de interligação à rede de esgoto da Sanepar, a residência deve utilizar sistema independente de tratamento.

Caso o condomínio residencial descumpra a decisão, a pena prevista é de multa de R$ 1 mil por dia de descumprimento, contados a partir do 31º dia da intimação da decisão.

 

 

Fonte: /www.bemparana.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...