O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu
Convivência

Violência doméstica

Prefeitura de João Pessoa inicia campanha em condomínios

quarta-feira, 11 de dezembro de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Prefeitura realiza campanha de combate à violência contra a mulher em condomínios residenciais

“Violência contra a Mulher. Aqui Não”. Esse é o tema da campanha que será lançada, nesta terça-feira (10), às 10h, pela Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP), por meio da Secretaria Extraordinária de Política Pública Para as Mulheres (SEPPM), nos condomínios residenciais da cidade. O lançamento oficial ocorre no auditório do Sindicato da Indústria da Construção Civil da Paraíba (Sinduscon-PB). A ação faz parte do calendário de atividades dos 16 Dias de Ativismo 2019.

A secretária Adriana Urquiza explica a importância da campanha. “Nos condomínios residenciais ainda reina a lei do silêncio. Para que se reduza a violência contra a mulher, é preciso que haja um engajamento de todos. Neste sentido, fizemos um convite para que os síndicos e operadoras de condomínios formalizassem esse compromisso de trabalharmos junto no enfrentamento à violência contra a mulher e, consequentemente, reduzindo o índice de feminicídio em nossa cidade”, destaca a secretária.

Segundo ela, a campanha é destinada exclusivamente aos condomínios residenciais. Durante o evento, o cartaz oficial da campanha será apresentado e distribuído para os participantes, que deve ser afixado nas áreas comuns dos condomínios. No cartaz consta um QR Code, para que qualquer pessoa possa baixar uma cartilha informativa virtual.

Os 16 dias de Ativismo 2019 tiveram início com a Mostra de Práticas Integrativas e Complementares, no Parque da Lagoa, atingindo um público de mais de 300 pessoas. “Agora finaliza com uma campanha que vai ser permanente e que vai possibilitar um maior diálogo dos síndicos dos condomínios diretamente com a Secretaria e com a rede de enfrentamento à violência contra as mulheres”, diz Adriana Urquiza.

Sobre a Cartilha

No conteúdo da cartilha, são disponibilizadas informações sobre a Lei Maria da Penha, a tipificação de violência doméstica e familiar contra a mulher, e formas de ajudá-la a sair do ciclo da violência. Também estão disponíveis serviços e telefones da rede de enfrentamento à violência contra a mulher.

A cartilha e o cartaz podem ser acessados por meio dos links: Cartaz e Cartilha.

Fonte: http://www.joaopessoa.pb.gov.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...