O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Convivência

Vizinha problema

Caso de 2011 envolve mulher de funkeiro, gritaria e puxões de cabelo

Publicado em: segunda-feira, 27 de maio de 2013

 Moranguinho agride vizinha e caso vai parar na polícia, diz jornal

Segundo colunista Leo Dias, caso envolvendo a mulher de Naldo aconteceu em 2011
 
Que bafão! De acordo com o colunista Leo Dias, do jornal O Dia, Ellen Pereira Cardoso, a Mulher Moranguinho, está sendo acusada de “lesão corporal consumada”, por ter agredido sua vizinha no dia 20 de novembro de 2011, em um condomínio na Rua Borba Gato, 331, no bairro de Santo Amaro, em São Paulo.
 
De acordo com o jornal, consta no boletim de ocorrência, que a vítima, Tatiane Paz Wolff, por volta da meia-noite e meia, depois de várias reclamações, foi, acompanhada de seu marido, o então subsíndico do prédio, pedir para que ex-dançarina parasse com o barulho. 
 
Quem abriu a porta foi o próprio Naldo. Tatiane alertou o cantor que Moranguinho poderia ser novamente multada, já que era reincidente, além de dever um ano de condomínio.
 
Ainda segundo o B.O., neste momento, Moranguinho foi para o corredor gritando palavras de baixo calão. Acuada, a vítima seguiu em direção ao seu apartamento.
 
Ainda de acordo com o jornal, a ex-dançarina invadiu a residência de Tatiane, deu um tapa na cara, um puxão de cabelo e ainda arranhou o pescoço dela. Segundo a mulher, Moranguinho inclusive deixou em sua casa sapatos e outros pertences.
 
A publicação afirma que a vítima foi atendida no Hospital Santa Paula e prestou queixa às 2h54 da madrugada. Ellen Cardoso foi enquadrada com base no artigo 129 do Código Penal. 

Fonte: http://entretenimento.r7.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...