O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Água e esgoto

Condomínios de AL que usam carros-pipa e poços serão acionados

Publicado em: quinta-feira, 12 de abril de 2012

Casal aciona condomínios que usam outras fontes de abastecimento

Primeira medida é a notificação extrajudicial para que situação seja regularizada
 
A Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal) começou a acionar os condomínios que utilizam fontes alternativas de abastecimento de água, como carros-pipa e poços, que são usuários da rede coletora de esgoto e que não procuraram a empresa até o dia 5 de abril para regularizar sua situação.
 
A primeira providência que está sendo adotada pela empresa é a notificação extrajudicial desses usuários, dando conhecimento da infringência da Lei 11.445/2007 (Lei Nacional de Saneamento) e convidando-os a que compareçam à Assessoria Jurídica da Companhia (rua Barão de Atalaia, 200, Centro, Maceió) e normalizem a situação, evitando, dessa forma, a abertura de ação judicial.
 
"Estamos convidando os condomínios que ainda não se regularizaram para que nos procurem, normalizem sua situação e passem a usufruir das vantagens que estão sendo oferecidas pela empresa mediante a assinatura do contrato de demanda: tarifas diferenciadas de água e esgoto, garantia de qualidade da água e de abastecimento, adequação do ramal externo sem ônus para o cliente e vistoria técnica nas instalações internas, entre outras", afirmou a assessora jurídica da companhia, Bruna Monteiro.
 
Além disso, a Casal lembra que esta campanha se restringe à chamada ZB1 (Zona Baixa 1), que compreende os bairros que vão do Poço a Cruz das Almas.
 
Bruna Monteiro explicou que a Casal, antes de decidir pela adoção de medidas judiciais, promoveu reuniões com síndicos de condomínios que utilizam unicamente o serviço de coleta de esgoto e mostrou os investimentos, as novas tecnologias e as melhorias no controle do abastecimento empreendidas pela empresa.
 
Na ocasião, foram dadas a conhecer as vantagens do contrato de demanda, que pressupõe a fidelização do cliente com o uso único das redes de água e de esgoto da companhia.
 
Outra iniciativa adotada pela empresa, acrescentou Bruna Monteiro, foi fazer campanha na mídia - jornais, sites de notícias, outdoor, outbus, plotagem em veículos, etc. - esclarecendo a necessidade de os condomínios se ajustarem à Lei de Saneamento.
 
Como resultado das reuniões, da campanha e das matérias divulgadas na imprensa, 52 condomínios aderiram ao contrato de demanda, sendo que 36 já assinaram o contrato e os outros 16 deram entrada no processo de formalização, conforme revelou a gerente da Unidade de Negócio Jaraguá, da Casal, Fátima Acioly.

Fonte: http://www.tribunahoje.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...