O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Envenenamento de animais

Em condomínio em Campo Grande, treze animais já morreram

Publicado em: terça-feira, 19 de junho de 2012

 Moradores de condomínio em MS denunciam suposto envenenamento

De acordo com condôminos, foram pelo menos 13 animais mortos no local.Síndico registrou boletim de ocorrência para que caso seja investigado.
 
Moradores de um condomínio no bairro Guanandi, na região sul de Campo Grande, denunciaram à Polícia Civil a morte de 13 animais, supostamente, por envenenamento. O síndico do local, João Brandes Garcia, 23 anos, registrou um boletim de ocorrência na última quinta-feira (29) na Delegacia Especializada em Repressão aos Crimes Ambientais e Proteção ao Turista (Decat).
 
Garcia disse ao G1 que no início do ano alguns gatos foram encontrados mortos no residencial com sinais que preocuparam os condôminos. “Eles começam a espumar pela boca”, lembrou.
O caso foi esquecido até que, no dia 4 de setembro, o zelador Márcio Giovani Silva, 38 anos, achou cinco gatos de rua mortos no local com as mesmas características, o que levantou a suspeita de envenenamento.
 
De acordo com Garcia, as mortes de animais continuaram. No dia 15, segundo relatos dele à Polícia Civil, quatro pássaros foram encontrados mortos, seguidos de outra ave e três pombos, achados em 29 de setembro, dia em que resolveu pedir uma investigação do caso.
 
“Essa foi a primeira medida. Registrar o boletim de ocorrência para fazer uma apuração de quem realmente praticou esse ato. Ficamos preocupados. As crianças podem tocar nos animais mortos, tocarem no veneno, é perigoso”, diz Silva.
 
Marisa Brandes Garcia, 65 anos, é mãe de João e tem um cachorro de estimação em casa e fica preocupada com seu mascote. “Se tem alguém envenenando alimentos e água, os animais domésticos também correm riscos”, diz a moradora.
 
A cuidadora de idosos Nicéria de Melo, que também mora no condomínio, tem medo que o suposto envenenamento afete também os moradores. “A gente fica chocada. No meio da gente tem uma pessoa perigosa que se faz isso com animais, pode fazer isso com a gente”, relata.
Suspeitas
 
Moradores disseram ao G1 que havia no residencial uma moradora que alimentava gatos de rua, atraindo sempre vários animais ao local. Ela se mudou há alguns meses, mas os bichanos continuaram frequentando o condomínio em busca de comida. Eles desconfiam que algum dos vizinhos pode ter se irritado com a presença dos bichos e resolvido matá-los.
 
Garcia diz que uma mulher que trabalha com reciclagem e anda pelo bairro, contou ter visto uma moradora espalhando carne no pátio do residencial. Segundo ele, a testemunha tem medo de apontar o suspeito com medo de represálias. O caso será investigado e os moradores ainda não foram chamados para depoimento.
 

Consequências

 
Envenenamento de animais é crime e segundo o Código Penal Brasileiro, com pena prevista de três meses a um ano de prisão.

Fonte: http://g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...