O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Espaço SECOVI

Inspeção predial

Secovi realiza workshop sobre manutenção e conservação dos edifícios

Publicado em: terça-feira, 11 de setembro de 2012

Secovi-SP realiza workshop sobre inspeções prediais

 
O Secovi-SP (Sindicato da Habitação) realiza no dia 21/9 o workshop e mesa-redonda “Inspeções Prediais e Estratégias de Manutenção para a Gestão da Conservação de Edificações”, em parceria com a Alconpat-Brasil (Associação Brasileira de Patologia das Construções). O evento será das 8h30 às 13 horas em sua sede, na Capital.
 
De acordo com Carlos Borges, vice-presidente de Tecnologia e Qualidade do Sindicato, área responsável pela realização do evento, o tema da conservação predial entrou efetivamente na pauta dos debates do setor da construção civil no último ano.
 
“Neste workshop, vamos abordar os mecanismos que durante o uso e a manutenção das edificações podem afetar a vida útil projetada”, explica. “Também discutiremos as implicações das leis e regulamentos que exigem uma organização do mercado para que as vistorias e inspeções sejam feitas com procedimentos e conhecimento técnico adequados.”
 
Questões relativas à necessidade de inspeções regulares e à realização de atividades de manutenção adequadas durante todo o período de vida útil das edificações são as mais são as que mais exigem preparação de todos os agentes envolvidos incluindo proprietários e administradores de edifícios.
 
De um lado, há a preocupação do público com as ocorrências extremas e traumatizantes de falhas, o que inclui desde a ruína de edifícios antes do término da obra até o desabamento de outros, em decorrência de falhas de manutenção ou intervenções inadequadas.
 
Por outro lado, há uma aceleração no ritmo de construção, que resulta em escassez de mão de obra qualificada e dificulta a manutenção de patamares adequados de qualidade de produção, colocando ao setor o desafio de desenvolver ações para aperfeiçoar os mecanismos que permitam a redução dos riscos envolvidos.
 
Carlos Borges chama atenção para um conjunto de projetos de lei nas esferas municipal, estadual e federal, que está instituindo a obrigatoriedade de realização de vistorias/inspeções periódicas nos edifícios, à qual o mercado terá que se adaptar.
 
“No entanto, para que a iniciativa seja útil e positiva, a obrigatoriedade legal terá de vir acompanhada da estruturação de padrões, da emissão de normas orientadoras da realização das vistorias e inspeções e da disponibilização de programas de capacitação qualificados para formação complementar dos profissionais que realizarão tais atividades”, diz.
 
Na primeira parte do evento, estão confirmados como palestrantes: Luiz Carlos Pinto da Silva Filho, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, que falará sobre Conservação de edifícios: influência das condições de uso e manutenção na vida útil esperada; Francisco P. Graziano, professor da  Escola Politécnica da Universidade, que tratará do tema Principais mecanismos que comprometem o desempenho estrutural ao longo da vida útil; Bernardo Tutikian, da Universidade do Vale do Rio dos Sinos (RS) e presidente da Alconpat-Brasil, que falará sobre Falhas de execução da estrutura que afetam a vida útil; e Fábio Pannoni, consultor técnico da Gerdau e professor da FDTE/EPUSP, que falará sobre os Principais mecanismos de degradação das estruturas de aço.
 
O painel Principais mecanismos de deterioração atuantes e riscos resultantes para a segurança e vida útil de fundações e estruturas das edificações será coordenado por Jorge Batlouni Neto, do Comitê de Tecnologia e Qualidade do SindusCon-SP, e Bernardo Tutikian.
 
A mesa-redonda Manutenção e inspeção ao longo da vida útil das edificações será coordenada por Carlos Borges e pela engenheira Maria Angelica Covelo Silva, diretora da NGI Consultoria e Desenvolvimento.
 
Na segunda parte do workshop, os confirmados são: Milton Anauate, gerente executivo de gestão, padronização e Normas Técnicas da Caixa Econômica Federal, e Maria Salette de Carvalho Weber, coordenadora do PBQP-H do Ministério das Cidades, no painel A importância da preservação da vida útil para os programas de produção habitacional; Luiz Carlos Pinto da Silva Filho, que falará sobre A necessidade da realização de inspeções prediais, as leis e características técnicas necessárias: panorama internacional e nacional;  Marcos Velletri, diretor de Insumos e Tecnologia do Secovi-SP, e Alexandre Luis de Oliveira, coordenador da Comissão de Trabalho Pós-Obra do Comitê de Tecnologia e Qualidade do SindusCon-SP, no painel Responsabilidades e ações necessárias do setor da construção no contexto atual para promover a conservação das edificações.
 
O debate final contará com Mário Sergio Pini, diretor da Pini Serviços de Engenharia, e Flávia Zoéga Andreatta Pujadas, diretora do IBAPE/SP.
 
O evento é voltado para diretores e gerentes técnicos de empresas incorporadoras e construtoras; empresas de projeto e consultoria; profissionais de engenharia e arquitetura de empresas fabricantes de materiais e componentes de construção, de administração de condomínios, seguradoras e órgãos da administração pública.
 
O Ampliar, instituição que profissionaliza jovens em situação de risco social com apoio logístico do Secovi-SP, será beneficiado com percentual das inscrições e patrocínios.
 
Informações e inscrições pelos telefones (11) 5591-1304 a 1308 e pelo site www.secovi.com.br.
 
Agenda
 
Data: 21/9 (sexta-feira)
Horário: das 8h30 às 13h
Local: Sede do Secovi-SP (Rua Doutor. Bacelar, 1043 – São Paulo/SP)
Informações e reservas: (11) 5591-1304 a 1308 ou www.secovi.com.brPontuação PQE (Programa Qualificação Essencial): 25  pontos para os segmentos locação, compra e venda e loteamentos.

 

Fonte: http://www.secovi.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...