O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Jurídico

Locação de terraço

Itaú pagará dívida com Edifício JK, localizado em BH

quinta-feira, 19 de setembro de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Itaú terá que pagar quase R$ 500 mil por atraso em aluguel de relógio do JK

Dívida se refere ao contrato de locação de terraço do condomínio onde estava instalado o relógio, que está sendo retirado

Além de retirar o relógio de cima do edifício JK, o Banco Itaú terá que pagar uma dívida de R$ 468.955,10 para o condomínio em duas parcelas. A dívida se refere ao contrato de locação do terraço da torre do condomínio onde estava instalado o relógio, e essa foi a condição do condomínio para a retirada do relógio. 

A informação foi divulgada pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). Foi preciso uma conciliação entre o Condomínio do Conjunto Kubitscheck e o Banco Itáu para a retirada do relógio, que era mantido desde 1984.

O Itaú entrou com uma ação pedindo que o Judiciário interviesse para que o Condomínio do Conjunto Kubitsheck permitisse que o banco removesse o letreiro luminoso do alto do prédio. De acordo com o banco, o condomínio vinha impedindo que os representantes do Itaú subissem ao terraço para a desmontagem e a retirada dos equipamentos.

Após muito impasse e duas audiências de conciliação, o banco e o condomínio chegaram a um acordo sobre a retirada do relógio, que teve início no começo deste mês. 

Interdição

Nesta quarta-feira (18), surgiram informações de que a obra de retirada do relógio foi interditada pela Defesa Civil. O órgão negou a informação.

"A Defesa Civil de Belo Horizonte não interditou nenhuma ação envolvendo o relógio Condomínio do Edifício JK. A Defesa Civil esteve nesta data realizando vistoria e não constatou risco iminente, a obra possui acompanhamento de profissional habilitado e fiscalização do Crea-MG. Os responsáveis pela operação foram notificados a isolar a área, até que as medidas de segurança e prevenção de quedas de materiais sejam concluídas", informou a Defesa Civil. 

Fonte: https://www.otempo.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...