O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Coluna: De Olho no Mercado

Mais crescimento

Secovi Rio participa de debate sobre o tema na Câmara dos deputados

Sistema imobiliário urbano é debatido na Câmara dos Deputados

A Comissão Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços da Câmara dos Deputados realizou nesta quarta-feira (13/7) uma audiência pública intitulada Debates Setoriais, a fim de debater com representantes de diversos setores produtivos da economia temas relevantes e propostas para o destravamento de gargalos, visando à retomada do crescimento econômico do Brasil. 

Representando o mercado imobiliário, esteve presente o presidente do Secovi Rio, Pedro Wähmann, que exerce também a função de coordenador geral da CBCSI - Câmara Brasileira de Comercio e Serviços Imobiliários, órgão subordinado à Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC).

O dirigente discorreu sobre aspectos do Sistema Imobiliário Urbano, que engloba os temas desenvolvimento urbano, incorporação e comercialização imobiliária, locação predial e condomínios.

No tema locação, Wähmann destacou fatores que podem melhorar o ambiente de negócios.

“Pensar neste segmento é fundamental já que vivemos um momento de restrição dos financiamentos imobiliários, o que torna mais difícil a aquisição de um imóvel e consequentemente faz da locação residencial uma alternativa digna de moradia”, afirmou, lembrando que há espaço para crescimento do setor, visto que apenas 18% dos domicílios brasileiros são alugados, percentual ainda baixo na comparação com outras economias do mundo.

No que diz respeito a condomínios, Wähmann falou das propostas legislativas que vêm sendo apresentadas na Câmara e que podem afetar o dia a dia das pessoas que vivem nesses espaços.

“Há projetos cuja aprovação acarretaria em aumento nas despesas condominiais devido a obrigações que seriam criadas para aquisição compulsória de bens e serviços pelos condomínios”, disse.

Ele completou lembrando das interferências em artigos do Código Civil sobre matérias pacificadas que não trariam qualquer beneficio para a convivência e o funcionamento dos condomínios.

Na parte de Desenvolvimento Urbano, abordou-se a necessidade da criação de legislação mais específica, que assegure uma maior segurança jurídica dos negócios e também que diferencie a política de proteção ambiental para centros urbanos daquela voltada para áreas rurais.

“É necessário ainda estabelecer regras claras para contratos de compra e venda de lotes que afastem interpretações diversas do Judiciário nessas relações, e também criar uma lei federal que venha permitir aos municípios regularem loteamentos com acesso controlado”, completou o presidente do Secovi Rio.

 

Fonte: http://www.secovirio.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...