O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
José Elias de Godoy

Prevenção e segurança

Medidas do tipo são o que realmente deixam seu condomínio mais seguro

Medidas do tipo são o que realmente deixam seu condomínio mais seguro

por José Elias de Godoy*

O tema "segurança" é bastante vasto e complexo. Envolve, praticamente, tudo o que diz respeito ao dia-a-dia do ser humano em seus mais diversos segmentos -principalmente as modalidades que versam sobre a proteção pessoal, familiar e patrimonial.

Ao Estado foi-lhe dada a missão de manter a Ordem e a Segurança Pública Mas devido a situações adversas que independem da atuação exclusiva dos governantes, tornou-se praticamente impossível realizar uma proteção efetiva de toda população. Isso fez com que cada cidadão busque sua autodefesa.

Dando ênfase a este aspecto é que a população precisa estar consciente de que a verdadeira proteção inicia-se com a prevenção, sendo este o melhor e mais seguro método para se diminuir os riscos e evitar que futuros delitos sejam cometidos.

Com a evolução social e a crescente urbanização, os condomínios tornaram-se a melhor forma de se organizar e aproveitar os espaços para que se possa viver harmonicamente em comunidade.

As pessoas, no intuito de proteger principalmente sua família, têm optado por residirem em edifícios verticais ou em condomínios horizontais, a fim de alcançarem a tão almejada segurança e tranquilidade. Mas mesmo assim a violência tem chegado a essas fortalezas. 

A fim de melhorarmos essa opção de vida é que enfatizaremos sempre as medidas preventivas de segurança que devam ser utilizadas nos condomínios a fim de minimizar os riscos e efetivar a proteção condominial.

Para que essa condição se concretize, deve-se aliar o binômio "homem - equipamento" em prol da comunidade, sendo que com esta união racional possamos criar Sistemas de Segurança adequados a cada situação ou problema.

Para tanto, é necessário que haja informações exatas e concretas para  que síndicos, administradores, moradores e funcionários possam proteger seu patrimônio de maneira técnica e eficaz, racionalizando seus recursos. Portanto citaremos a seguir alguns itens, que dizem respeito  aos diversos segmentos e divisões da Segurança Pessoal e Patrimonial nos condomínios:

  • Recursos Humanos: recrutamento, seleção, treinamento de funcionários e conscientização de moradores;
  • Comunicações: telefonia, interfonia e radiofonia;
  • Barreiras físicas: muros, cercas, concertinas, alambrados, ofendículos, cancelas, portarias, portões duplos, guaritas blindadas, portas;
  • Segurança física das residências: janelas, vitrôs, venezianas, portas, áreas envidraçadas, vãos de ar-condicionado, sensores, visualização à distância;
  • Sistemas eletrônicos: alarmes, circuito fechado de TV, monitoramentos, controles de acesso informatizados e eletrônicos, sensores e  cercas eletrificadas;
  • Equipamentos de prevenção e contra incêndios: extintores, hidrantes, iluminação de emergência, alarmes, escadas de segurança, detectores de fumaça, portas corta-fogo, pára-raios;
  • Elevadores: manutenção e precauções;
  • Procedimentos de segurança: normas específicas de portaria e segurança;
  • Medidas de emergência: planos de contingência para situações de furtos, roubos, incêndios, falta de (água, luz, gás, telefone), inundações;
  • Saúde no condomínio: higiene, limpeza e reciclagem de lixo;
  • Segurança das edificações: estruturas, impermeabilização e manutenção.

Integrando-se todos os itens citados acima é que conseguiremos chegar a um grau de proteção muito maior, acrescido de um melhor convívio e benefício de toda Comunidade dos Condomínios.

(*) José Elias de Godoy é especialista de Segurança em Condomínios e autor dos livros “Manual de Segurança em Condomínios’’ e “Técnicas de Segurança em Condomínios”. Mais informações: elias@suat.com.br

Saiba mais:

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...