O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Quadrilha presa em Mogi

Menores entravam nos prédios facilmente

terça-feira, 23 de abril de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Novas imagens mostram a ação de quadrilha suspeita de roubar condomínios de luxo em Mogi

Três homens foram presos e dois menores encaminhados para a Fundação Casa; Segundo a Polícia, eles usavam roupas caras para não serem identificados dentro dos condomínios

O Diário TV teve acesso às novas imagens que mostram a ação da quadrilha suspeita de roubar condomínios de luxo em Mogi das Cruzes.

As câmeras do circuito interno de monitoramento flagraram quando dois dos cinco suspeitos entraram em um condomínio no Alto do Ipiranga nesta quinta-feira (18). Um deles força o portão como se fosse morador, o porteiro libera a entrada e o outro jovem entra na sequência.

Raimundo Brandão da Silva Filho, de 24 anos, Daniel Clemente, de 21 anos, e Tiago Ferreira, de 20 anos, foram presos e dois menores encaminhados para a Fundação Casa. A polícia passou a investigá-los após um furto na semana passada em um condomínio na Vila Oliveira, em Mogi.

Durante a investigação, a equipe do Centro de Inteligência da Delegacia Seccional de Mogi das Cruzes descobriu que eles fariam um novo roubo na cidade. O delegado titular do 3º DP de Mogi, Alexandre Batalha, disse que durante a investigação eles descobriram que a quadrilha aliciava os adolescentes para facilitar a entrada em apartamentos.

“Sempre em dois, primeiro um adolescente entrava pela portaria da frente, ou quando saia algum morador. Ele conseguia, através de lista telefônica e na internet, a relação de prédios e alguns moradores. Com isso, facilitava a entrada dele. Dizia que era amigo dos moradores e conseguia”, conta o delegado.

O delegado divulgou ainda que, já dentro do condomínio, eles tocavam a campainha dos imóveis para saber se havia algum morador. Se ninguém estivesse, eles arrombavam a porta e levavam objetos como joias, relógios, dinheiro, e eletrônicos que cabiam dentro de uma mochila, já que depois saíam pela portaria.

"Eles são de São Paulo. Existe a possibilidade de ter mais gente. Um terceiro menor é investigado. Temos confirmação de que eles praticavam esses crimes em São José dos Campos, Suzano, São Paulo e em Campinas. É uma quadrilha bem estruturada e que vem praticando crime há algum tempo", contou o delegado.

Na ação desta quinta-feira (18), a polícia apreendeu R$ 170 em dinheiro, dólar, jóias, relógios, um aparelho importado de música e uma chave de fenda.

Tentativa de fuga

Horas após a prisão, um dos suspeitos tentou fugir da delegacia. Raimundo Brandão da Silva Filho, de 24 anos, pulou o muro e mesmo algemado saiu correndo. A polícia encontrou o suspeito a poucos metros do DP, em César de Sousa.

 

Fonte: g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...