O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Queda

Menina que caiu do quinto andar continua internada em estado grave

Publicado em: quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Criança que caiu de prédio segue internada em estado grave na UTI

A menina de 5 anos que na terça-feira (29) caiu do 5º andar de um prédio na Zona Leste de São Paulo segue internada em estado grave nesta quarta-feira (30). De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital Santa Marcelina, a criança está na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da sua unidade, em Itaquera. Ainda segundo o hospital, ela corre risco de morte.

A Polícia Civil investiga as circunstâncias da queda da garota. Em princípio, a informação inicial é a de que a menina teria caído acidentalmente do prédio, que fica na Avenida Padre Estanislau de Campos, em Artur Alvim. A criança estaria estaria sozinha no momento da queda. A mãe da menina chegou ao local do acidente enquanto a Polícia Militar (PM) prestava socorro à criança. Ela teria dito que foi ao mercado enquanto a filha dormia. Elas são as únicas moradoras do apartamento. O Hospital Santa Marcelina informou que a menina deu entrada na unidade por volta das 13h40 de terça-feira em "estado gravíssimo". Às 18h30, ela foi operada. A assessoria não informou qual cirurgia foi feita.

Polícia

De acordo com a 7ª Delegacia Seccional, de Itaquera, a garota teria caído da janela de seu quarto. Nele, foi encontrado um banco, colocado em cima do colchão da menina e ao lado do parapeito da janela, e uma tesoura infantil, que teria sido usada para cortar a rede de proteção. Uma faca de serra foi encontrada no chão da sala de estar do apartamento, onde a rede de proteção das janelas também apresentava um corte.

O caso foi registrado no 65°Distrito Policial (DP), em Artur Alvim.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...