O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Mercado

Tendência de mercado

Em Uberaba (MG), condomínios são muito mais procurados que casas

Publicado em: quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

 Mudança para condomínio eleva número de casas sem habitantes

A mudança de famílias da área central da cidade para condomínios fechados em regiões periféricas é identificada por instituições ligadas ao setor imobiliário como o principal fator para a ocorrência de casas fechadas. Atribuído ao aumento do poder aquisitivo do consumidor, à qualidade de vida e também à busca por segurança, a procura por esses imóveis [em condomínios] aquece o setor.
 
Segundo o gerente da Caixa Econômica Federal, Domingos Sávio Rosa, com a transição das classes, há uma procura maior por locais que oferecem mais qualidade de vida. A instituição bancária registra alta nas transações.
 
“Hoje, as pessoas prezam pela qualidade. Um dia, as pessoas de baixa renda compraram por necessidade, mas, com o aumento da renda, buscam a qualidade. Vamos dizer que é um círculo”, observa.
 
Segundo o delegado regional do Conselho de Corretores de Imóveis, Luís Fernando Batistuta, as pessoas que moravam em casas no centro estão migrando para os condomínios fechados, devido à segurança. Em relação aos imóveis desocupados, ele apresenta uma visão diferente. “As classes A e B estão procurando por segurança. De dez pessoas que procuram casa em condomínios, uma compra fora deles. Hoje, as pessoas preferem condomínios fechados”, observa.
 
De acordo com dados do Centro de Zoonoses, o bairro que apresenta maior número de imóveis fechados é o Alexandre Campos, com 29,22%, seguido por seus vizinhos Vila Maria Helena (21,49%) e Morada das Fontes, com 15,14%, e ainda pelo Centro (11,49%) e Abadia (29,22%).

Fonte: http://jmonline.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...