O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Água individualizada

Novos condomínios já deverão ser lançados com essa adaptação

terça-feira, 16 de agosto de 2016
WhatsApp
LinkedIn

Água terá cobrança individualizada em condomínios

Novos condomínios terão de se adaptar nos próximos anos para instalar hidrômetros individuais. Os moradores pagarão apenas pelo que consumirem e não serão mais obrigados a ratear o valor total da conta.

Para especialistas de Campinas, a medição individual vai gerar economia. A nova lei já foi sancionada pelo presidente em exercício Michel Temer. No entanto, as construtoras terão um prazo de cinco anos para se adaptar. A legislação só afetará as novas construções.

A lei foi publicada no mês passado no Diário Oficial da União (DOU), e passa a valer a partir de 2021. Só entra em vigor cinco anos após a publicação. A determinação não abrange condomínios construídos antes da publicação da lei. Por ora, não há penalidade prevista para quem descumprir a determinação.

Em Campinas, a Lei Municipal 12.474, de 16 de janeiro de 2006, e a Lei Complementar nº 13, de 4 de maio de 2006, já impunham as mesmas condições de implantação de hidrômetros individuais para condomínios novos.

Benefícios

Mesmo desobrigado, o Residencial Novo Capivari, em Campinas, já se adequou à implantação. Os edifícios que o compõem têm 18 anos, e receberam a reforma há três.

“Na época, o condomínio tinha 256 apartamentos, e a obra custou R$ 230 mil, cerca de R$ 900 por apartamento. Foi um ótimo negócio, porque compensa demais”, afirma o síndico Reginaldo Marques Araújo. A empresa que fez o serviço dividiu a conta em seis vezes, o que ajudou ainda mais os moradores.

Araújo acrescenta que, após a implantação dos equipamentos individuais, a economia de água tem sido da ordem de 40%.

O vigilante Edvaldo Aparecido Ferreira, que mora no residencial há 13 anos, e já teve a experiência dos dois sistemas, afirma que “a mudança é uma benfeitoria”.

O Sindicato da Habitação (Secovi) de Campinas lista as vantagens desse procedimento.

“Controle de consumo das unidades, uso racional da água, maior facilidade em detectar possíveis vazamentos e justiça social, pois será cobrado o que foi efetivamente gasto pelo morador”, declara a diretora de administração condominial Kelma Camargo. “A individualização é, com certeza, uma medida positiva.”

Kelma destaca que, como o contato do morador passa a ser direto com a concessionária, é mais fácil resolver problemas de vazamento, o que nem sempre é possível quando a medição é coletiva.

A publicitária Fabiana Fantini, que mora sozinha em um apartamento onde o custo é rateado, também ressalta a questão do vazamento.

“Com a medição individual é muito mais fácil detectar esse tipo de problema.” Fabiana gostaria que o prédio onde mora contasse com o hidrômetro individual. “Eu gostaria muito que mudasse.”

SAIBA MAIS 

De acordo com o governo federal, o objetivo da lei é “aprimorar a sustentabilidade ambiental” e “fazer justiça àqueles que economizam a água do planeta”. O projeto foi proposto em 2011 pelo senador Antônio Carlos Valadares (PSB-SE), e aprovado em 22 de junho. Com a sanção da Lei 13.312, houve a alteração da 11.445, de 2007, que estabelece diretrizes nacionais para o saneamento básico.

Fonte: http://correio.rac.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...