O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Artigos e opiniões

Arrastões em condomínios

Ações que visam contribuir com a redução dos riscos eminentes de assaltos.

Por João Fernando Cardozo Koda

Recentemente, uma quadrilha formada por cerca de dez homens, armados de pistolas, revólveres e metralhadoras, invadiu um condomínio na Vila Madalena, na Zona Oeste de São Paulo. Pelo menos quatro apartamentos foram assaltados pelos criminosos, que agiram sem máscaras e fugiram levando pelo menos três carros.

Segundo uma das vítimas, o grupo invadiu o prédio pelo muro lateral de um depósito. O porteiro foi o primeiro a ser rendido no hall dos fundos. Moradores que chegavam ao prédio, de carro ou a pé, também eram rendidos. Um dos veículos roubados de um dos moradores foi perseguido e parado por policiais militares que faziam uma blitz na região dos bares da Vila Madalena. Ao perceberem três carros passando em alta velocidade, os policiais começaram a perseguição e conseguiram parar um deles. Um criminoso foi preso. Com ele foram apreendidos um revólver e pertences roubados das vítimas.

O caso foi encaminhado para o 14º Distrito Policial, em Pinheiros, e transferido para o Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic). FONTE/G1.GLOBO.COM

Reflexão

Ultimamente percebemos que invasões a condomínio têm obtido novamente notoriedade em virtude do requinte de crueldade dos meliantes. 

Matérias em diversos meios de comunicação divulgam que somente nas ultimas semanas regiões como Higienópolis, Itaim Bibi, Morumbi, Itapecerica da Serra, São Bernardo do Campo, Vila Mariana, Mogi das Cruzes entre outros. Diversos condomínios residenciais, tanto verticais quanto horizontais, foram alvos de ações de quadrilhas na maioria das vezes organizadas e fortemente armadas.

O que mais preocupa é que enquanto a marginalidade se mostra mais organizada e em maior numero e melhor preparo, nós vitimas, nos demonstramos cada vez menos unidos e cada vez mais desprevenidos para ações como estas. 

Segundo a matéria podemos observar que uma série de detalhes que somados resultaram em uma ação que não encontrou nenhuma barreira preventiva que inibisse tal delito. 

Infelizmente é comum que pensemos em prevenção somente depois de temos sofrido uma ação criminosa ou ao menos visto algum vizinho nosso passar por uma situação desta, quando na verdade deveríamos fazer o contrário. 

Vamos sugerir algumas ações que visam contribuir com a redução dos riscos eminentes em seu condomínio.

Caso seja:

Sindico

  1. Nunca subestime o meliante, nem permita que o façam.
  2. Forme uma equipe de moradores atuantes (Comissão de Segurança), com busca continua por melhorias no sistema de segurança técnico, humano, organizacional.
  3. Esta equipe pode, em conjunto com a ajuda de um profissional de segurança (especialista), elaborar normas de conduta e se comprometerem não só em multiplicar estas informações, mas também, em fiscalizar se tais regras estão sendo cumpridas por todos.
  4. Promover situações que informem constantemente de forma eficaz orientações que permitam aos moradores e colaboradores dicas de prevenção, de comportamento, de relacionamento e a importância da participação de todos.
  5. Através de um profissional de segurança (especialista) avalie periodicamente o sistema de segurança e as vulnerabilidades do seu condomínio.
  6. Providencie treinamento e reciclagem dos seus colaboradores de segurança mesmo que sejam terceirizados.
  7. Promova campanhas motivacionais para a melhoria continua do trabalho em equipe, moradores e colaboradores.
  8. Cadastre todos os moradores e visitantes previamente autorizados, bem como colaboradores domésticos, fornecedores efetivos etc, e atualize constantemente.
  9. Estabeleça uma linha de comunicação, seja verbal ou escrita, que dê voz aos moradores e colaboradores para sugerirem melhorias para o sistema de segurança.
  10. Cuide para que novos moradores também participem do processo e sejam orientados.
  11. Oriente para que substituições de colaboradores domésticos seja formal e imediata.

Porteiro

  1. Busque por conhecimento constante na sua área de atuação.
  2. Mantenha o seu local de serviço sempre organizado e seguro (portas e portões fechados).
  3. Não permita a permanência de pessoas que não estiverem em serviço dentro da guarita.
  4. Seja sempre educado e observador, note e anote situações estranhas e trate de informar seus colegas de serviço.
  5. Evite sair da guarita; caso seja blindada, não saia sem ter rendição de um colega.
  6. Tenha uma postura séria e jamais comente detalhes sobre seus colegas e moradores do condomínio para ninguém em momento algum.
  7. Nunca tente adivinhar quem o visitante está procurando: deixe que ele mesmo lhe informe.
  8. Somente abra o portão e permita a entrada de uma pessoa estranha ao condomínio quando estiver certo de que o mesmo esteja autorizado pelo morador a entrar.
  9. Registre no livro de ocorrência todas as situações importantes e suspeitas no condomínio e nas proximidades.
  10. Não leia jornais ou similares, não assista à  TV, nem faça nada que possa contribuir com a sua distração no horário de serviço. Isso poderá facilitar uma ação delituosa ou no mínimo contribuir para que ela tenha êxito. 

A boa noticia é que a Policia Militar obteve êxito na prisão de parte da quadrilha que realizou a invasão no condomínio mencionado na matéria, e que segundo a Policia Civil do Estado de São Paulo eram responsáveis por 4 em cada 6 crimes cometidos desta natureza; e nos últimos dias identificaram e prenderam parte da quadrilha das Loiras conhecidas por serem mulheres jovens e bonitas acima de qualquer suspeita e que praticavam sequestros relâmpagos e roubos a condomínios.

Lembre-se: SEGURANÇA É COISA SÉRIA PREVINA-SE

Boa sorte a todos e até breve.João Fernando Cardozo Koda Especialista em Segurança Patrimonial

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...