O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Construção cuidadosa

Atenção é necessária na hora de avaliar os prestadores de serviço

Publicado em: quarta-feira, 21 de março de 2012

Cuidados antes de construir podem evitar tragédias, diz engenheiro em MT

Escolha do profissional é importante para garantia da obra. Atenção é necessária para que não ocorram desabamentos.
 

 

Na hora de reformar um prédio, síndicos e moradores devem escolher com atenção o profissional ou a empresa que irá realizar a obra. Os cuidados são necessários para que seja evitada uma tragédia, como a que ocorreu no Rio de Janeiro, em que três prédios desabaram matando 17 pessoas. O síndico de um edifício em Cuiabá, Ademyr Cesar Franco, conta que as propostas de orçamento foram avaliadas com cautela antes de ser iniciada a obra.
 
Segundo o engenheiro especialista em construção civil, Henrique Ely Gouveia, os cuidados devem ser tomados ainda no início do problema.
 
“Os riscos são vários, começam desde um desconforto, como as infiltrações e móveis estragando por causa de mofo, e vão até as mais sérias que podem afetar a estrutura, como a corrosão das ferragens”. Ele apontou que corrigir o problema com antecipação significa economia.
 
Conforme ele, reformas em prédios exigem atenção redobrada, porque uma obra mal executada pode trazer grandes prejuízos financeiros. “Não adianta você comprar um bom material se não tiver um bom profissional que saiba usar os produtos. Pode haver desperdício”, observou o engenheiro.
 
Outra consequência ainda mais grave é o risco para a vida dos moradores e por isso é importante o síndico contratar um profissional habilitado que certifique, através do Atestado de Responsabilidade Técnica, que a obra foi executada dentro dos padrões de segurança. “Caso venha ter algum problema, como um desabamento, o engenheiro é responsabilizado pelo caos”, acrescenta Gouveia.
 
O Atestado de Responsabilidade Técnica deve ser registrado no Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia (Crea-MT). O objetivo do documento é saber se o plano de combate a incêndio atende as normas.
 
De acordo com o diretor-adjunto de fiscalização do Corpo de Bombeiros, tenente coronel Átila Wanderley da Silva, um fiscal vai até o local para verificar a situação, a fim de dar garantias de que o condomínio esteja em segurança. A falta da ART
pode acarretar em multas que variam de R$ 3,6 mil a R$ 36 mil e ainda a interdição do edifício

Fonte: http://g1.globo.com

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...