O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Ambiente

Conta de luz

Conheça formas de economizar e deixar o condomínio mais sustentável

Publicado em: terça-feira, 20 de novembro de 2012

 Imóveis: aprenda a reduzir a conta de luz e tornar o condomínio mais sustentável

 
Algumas medidas utilizadas para reduzir o consumo de água e energia podem deixar o valor do condomínio mais barato. As despesas com energia elétrica e água são responsáveis por cerca de 25% do valor da taxa condominial.
 
De acordo com o diretor da Paris Condomínios, José Roberto Iampolsky, a redução do consumo de água influi nos gastos com a luz. “Como é necessária uma abomba para fazer subir a água para os apartamentos, menos consumo de água nas unidade se traduz em menor trabalho para bomba e, consequentemente, menos gasto de energia”, explica.
 
O especialista ainda recomenda checar possíveis vazamentos, muito comuns em descargas dos vasos sanitários.
 

Economia de energia

 
Pintar as áreas comuns e os apartamentos de cores claras também reduz o consumo de energia. Segundo o especialista, um ambiente claro tem menos necessidade de iluminação artificial durante o dia.
 
Optar por lâmpadas fluorescentes ou de LED também ajuda a economizar energia, já que elas gastam menos que uma incandescente. A LED é o tipo de iluminação mais econômica, no entanto, é pouco usada, por ter um custo relativamente alto.
 
Para Iampolsky, a melhor forma de economizar energia nas garagens é optar por iluminar as áreas de circulação de veículos e não os boxes. “Se possível, alterne uma luminária acesa e uma apagada”, explica.
 

Sensores

 
O especialista ainda ressalta que a instalação de sensores de presença e minuterias são essenciais para a redução do consumo de energia.
 
Os sensores de presença acionam a iluminação, conforme detectam a movimentação de alguém. No mercado, existem três tipos desses sensores: o infravermelho, que é sensível ao calor humano; o ultrassom, que emite ondas, que são rebatidas de volta ao receptor, o qual, por sua vez, aciona a iluminação; o dual, que é a combinação de infravermelho e ultrassom.
 
Já as minuterias mantêm a iluminação durante um período determinado. Para este dispositivo, existem dois tipos: sistema coletivo, que permite ligar as lâmpadas de alguns andares ou todos ao mesmo tempo, e sistema individual, que liga individualmente as lâmpadas de cada andar.
 
Elevadores
Elevadores muito defasados contribuem para o aumento na taxas de condomínios. Esses elevadores gastam mais energia e exigem manutenção constante.
 
O ideal é que sejam trocados por elevadores novos e mais modernos. Uma alternativa à troca é a modernização do equipamento com a instalação do comando por inversor de frequência. Esse dispositivo faz com que somente a corrente elétrica necessária seja mandada para o motor do elevador, gerando uma economia de cerca de 40%.
 

Fonte: http://www.infomoney.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...