O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Falta de manutenção

Piso de condomínio do PAR em Guarulhos cede e tem vazamento de gás

Publicado em: sexta-feira, 14 de março de 2014

Piso de prédio da Caixa Econômica cede e há vazamento de gás

Prédio é do Programa de Arrendamento Residencial. Moradores reclamam há 3 anos.
 
 O terreno do condomínio Maria Dirce, do Programa de Arrendamento Residencial da Caixa Econômica Federal, está cedendo e apresenta vazamento de gás. Moradores do prédio, que fica em Guarulhos, pedem ajuda para resolver os problemas há pelo menos 3 anos.
 
O piso de boa parte do prédio cedeu, o que afetou a tubulação de água do condomínio. Os moradores precisaram instalar outros relógios de água e refazer a tubulação. "A gente chamou a Defesas Civil, o Corpo de Bombeiros e eles vieram ver. Eles queriam interditar o prédio", conta a aposentada Maria Pedroso
 
A ligação de gás dos apartamentos também apresentou problemas. Pelo menos 20 dos 140 apartamentos do prédio têm botijões dentro das residências em razão de vazamentos. Ao procurar a administradora responsável para resolver o problema, os moradores não obtém resposta. "Eles são super mal educados no telefone. Não houve a explicação. Sometne que nós precisamos resolver o problema", diz a pedagoga Naíla Gomes Albuquerque.
 
Cada morador paga cerca de 140 reais de condomínio e alguns tentaram fazer melhorias pagando do próprio bolso. Um quiosque com churrasqueira, que foi instalado como iniciativa de moradores, precisou ser retirado após determinação da administradora responsável. "Eles diziam que ia dar cupim ou então que ia cair em cima dos moradores e que isso poderia gerar problemas para o condomínio", afirma a cabelereira Luciene Luz.
 
O condomínio ao lado também está afundando no terreno. Os moradores afirmam que mandaram um dossiê com todos os problemas para a Caixa Econômica Federal há 3 anos.
 
"Vários engenheiros já estiveram aqui, medindo, mas até o momento nenhuma solução foi realmente visível. E o que a gente está pleiteando é que eles venham fazer os consertos porque nós não somos donos, somos arrendatários, eles são os proprietários", diz a aposentada Caludete Moura Santos.
 
A Caixa disse que está apurando os problemas e que vai tomar as providências necessárias que competem ao banco.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...