O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Incêndio em apartamento

Superaquecimento em bebedouro teria causado acidente

segunda-feira, 23 de setembro de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Incêndio atinge prédio de luxo e moradora relata desespero e descaso

O caso ocorreu em Cuiabá, no bairro Quilombo. Moradora precisou ser internada por inalar fumaça

Um apartamento pegou fogo em um prédio de luxo na noite deste sábado (21), em Cuiabá. O incêndio ocorreu no 24º andar do Edifício Sofisticato, localizado no bairro Quilombo.

Segundo a proprietária do imóvel, nenhum dos vizinhos ouviu o alarme soar.

Karla Lorena Santos de Melo estava sozinha em casa quando o fogo teve início. Segundo ela, eram por volta das 23 horas. “Ouvi um barulho na lavanderia e cheguei a pensar que era alguém tentando invadir. Quando abri a porta, o fogo tomou também a cozinha”.

Segundo Karla, as chamas já estavam altas quando ela se deu conta do que estava ocorrendo. Em poucos minutos, o incêndio se alastrou e destruiu metade do apartamento.

Karla conta que sua primeira reação foi acionar o alarme de incêndio, mas os vizinhos só souberam do ocorrido porque ela saiu batendo de porta em porta pedindo ajuda.

A moradora ainda reclamou da administração do condomínio de luxo. Segundo Karla, embora houvessem, pelo menos, três funcionários no prédio – um porteiro, um garagista e um segurança – nenhum deles apareceu para socorrê-la.

“Absolutamente ninguém que estava trabalhando no prédio veio me ajudar”, ela disse, acrescentando que o segurança chegou a subir no andar em chamas, mas voltou para a portaria e só retornou quando os bombeiros já haviam chegado.

A equipe do Corpo de Bombeiros que atendeu a ocorrência, segundo Karla, chegou cerca de 30 minutos depois de ser acionada. Na ocasião, ela e os vizinhos já havia conseguido controlar as chamas.

Os bombeiros permaneceram no prédio até a manhã deste domingo (22) e fizeram imagens do local, possivelmente para uma perícia, segundo Karla. A moradora acredita, entretanto, já saber a causa do incêndio.

“Tinha um bebedouro dentro de uma despensa. Eu acredito que com esse calor todo desses últimos dias, ele pode ter superaquecido e começado o fogo”, ela relatou.

Karla morava no apartamento há cerca de um ano e meio. Quando se mudou, segundo ela, uma reforma foi feita em toda a parte elétrica, já que o imóvel nunca havia passado por uma renovação desde que foi entregue pela construtora Plaenge.

Como inalou muita fumaça, Karla vai passar o domingo em observação em um hospital de Cuiabá.

Por meio da assessoria, o Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso confirmou que atendeu a ocorrência. Em nota, disse que o fogo foi controlado com equipamentos do próprio edifício, mas que equipe foi encaminhada ao local.

A assessoria dos bombeiros também confirmou a tese de que as chamas tiveram início no bebedouro elétrico. Informou ainda que o fogo atingiu portas, forro de gesso e eletrodomésticos.

Fonte: https://olivre.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...