O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Perfil do síndico

Falta de experiência pode ser suprida por comprometimento e boa vontade

Publicado em: domingo, 24 de março de 2013

 Síndico de hoje já não é só morador aposentado e a falta de experiência no cargo pode ser compensada com comprometimento e organização

 
O síndico atual começa a seguir uma nova tendência. Já não é apenas o morador aposentado em busca de uma ocupação. São jovens profissionais ou empresários mais maduros que se veem diante do desafio de gerir um condomínio. Com esta mudança, traçar um perfil do síndico moderno se tornou muito difícil, pois cada condomínio tem particularidades e requisitos. O que deve ser indispensável em um síndico é comprometimento,  organização e  habilidade para lidar com situações de conflito. Estas características são, inclusive, mais importantes do que a experiência como síndico.
 
Segundo Julio Herold, gerente da Auxiliadora Predial em São Paulo, empresa líder em administração de condomínios em Porto Alegre e uma das maiores em São Paulo, a falta de experiência pode ser compensada com conversas com condôminos e conselheiros e com trabalho conjunto com a administração.
 
“Com o dia-a-dia corrido de todos nós, é cada vez mais comum encontrarmos síndicos sem experiência, mas, quando vemos que estão comprometidos, tudo fica mais fácil”, indica Herold.
 
A administração de um condomínio é muito parecida com a de uma empresa e quando a figura do síndico não é um profissional terceirizado, e sim um morador, o comprometimento para conhecer e lidar com aspectos complexos como questões jurídicas, contábeis, financeiras e fiscais é indispensável.
 
Organizar bem as funções também é importante para uma boa administração e o síndico deve contar com o trabalho dos demais membros do conselho para dividir as tarefas e não se sobrecarregar, pois as atividades como líder de condomínio demandam o comprometimento quase que integral.
 
Para Julio Herold, quem não se enquadra nestas questões de disponibilidade, comprometimento e organização acaba prestando um desserviço para todo condomínio.
 
“O trabalho de síndico é complexo e quem não tem habilidade para conciliar a vida pessoal com a vida profissional é melhor nem se candidatar ao cargo”, afirma o gerente.

Fonte:

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...