O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque para um navegador moderno para ter uma melhor experiência no SíndicoNet 😉

Saiba mais ×
Cadastrar
Entrar
Cotar Pedir orçamentos
Seja um fornecedor
menu
Série Especialistas

Pertubação do sossego

Quando e como o síndico deve intervir para resolver os conflitos entre os moradores

Por Thais Matuzaki
26/04/19 03:34 - Atualizado há 10 meses
WhatsApp
LinkedIn
Quando e como o síndico deve intervir para resolver os conflitos entre os moradores

O barulho causado pelo vizinho é um assunto delicado em condomínios. Mais que incomodar o sossego alheio, enquadra-se como crime ambiental (art. 54 da Lei 9.605/98), sujeito à pena de 1 a 4 anos de prisão.

Nesse sentido, muito se fala na expressão “Lei do Silêncio” para fundamentar alguma reclamação. Na verdade, ela representa as leis federais, estaduais e municipais que determinam os limites dos ruídos. 

Além de comentar sobre a ABNT 10.152/2017, que trata os níveis de pressão sonora em ambientes internos a edificações, o advogado Rodrigo Karpat explica neste vídeo quando e como o síndico deve intervir para resolver os conflitos entre moradores. 

Confira!

Matérias relacionadas

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...