O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Problema com os funcionários

ideal é sempre iniciar as tratativas com diálogo honesto e cordial

Publicado em: segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Condomínios: Procrastinação dos funcionários

Não é incomum deixarmos uma tarefa para depois por não termos tempo de fazê-la, ainda mais se o número de tarefas que tivermos que realizar em um mesmo dia for demasiadamente grande.

Para isso, contratamos funcionários e empresas de terceirização para realizarem as funções que não temos tempo de fazer.

Contudo, em alguns casos, tais funcionários (independentemente de terem sido contratados por terceiros ou diretamente) algumas das vezes não realizam suas funções do modo que deveriam realmente executar.

Nessa visão, o que pode ser feito contra os funcionários que não exercem suas funções devidamente?

A primeira tentativa sempre é o diálogo.

Chame o funcionário que está dando problemas para uma conversa e explique a insatisfação com o serviço que ele tem prestado no condomínio.

Se a limpeza não estiver boa, se a manutenção não tiver sido feita ou se o lixo não tiver sido trocado, leve ele até estes locais e mostre que o problema ainda não foi resolvido.

Deixe bem claro sua posição contrária às atitudes do mesmo e explique, de forma clara e direta as consequências que o funcionário poderá sofrer.

Caso o mesmo seja de uma empresa terceirizada, o contato direto pode ser evitado.

Neste caso, fale diretamente com o responsável pela empresa ou pelo serviço prestado no condomínio.

Se o diálogo não funcionar, é hora é tomar atitudes mais drástica.

Fonte: http://gazetanews.inf.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...