O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Resgate no elevador

Síndico não deixa bombeiros entrarem em condomínio

Publicado em: segunda-feira, 30 de maio de 2016

Síndico impede entrada de Bombeiros em prédio do PR

Moradores de um prédio localizado no Ecoville, bairro Campo Comprido, em Curitiba, ficaram presos dentro do elevador no início da madrugada desta quinta-feira (25). O Corpo de Bombeiros (CB) foi acionado pelos moradores e o síndico do condomínio impediu a entrada da equipe de resgate. Oito adultos e uma criança permaneceram presos por cerca de trinta minutos dentro do elevador.

O prédio fica localizado na rua Pedro Viriato Parigot de Souza e o acionamento aconteceu pouco depois da meia-noite. Com a chegada da guarnição, o síndico – responsável pelo condomínio – proibiu a entrada dos bombeiros, sob alegação de que um técnico já tinha sido acionado.

O tenente Tiago, do CB, afirmou à Banda B que a equipe chegou em menos de cinco minutos no local e iniciaria o resgate, imediatamente.

“Fomos acionados pelos moradores que estavam presos no elevador e o síndico não deixou, ordenou que os seguranças impedissem nossa entrada. Segundo ele, tinha chamado um técnico e os bombeiros não eram aptos a realizar o resgate”, descreveu o tenente.

Embora estivesse no local há quase trinta minutos, o resgate aos moradores aconteceu somente após a chegada dos técnicos de manutenção dos equipamentos.

“Seriam vinte minutos que os bombeiros poderiam ter resgatado essas pessoas lá de dentro. Por decisão do síndico, eles continuaram lá dentro. Poderia ter ocasionado algo pior, poderia ter alguém com síndrome do pânico, alguém poderia sofrer um enfarto, pela questão de estar preso dentro do elevador. Temos especialidade em vários tipos de socorro, entre eles, elevadores. Somos treinados, somos profissionais”, finalizou o tenente.

Após o resgate, a Polícia Militar (PM) foi acionado e o síndico foi encaminhado ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac-Sul) por infringir o Código Penal e impedir resgate às vítimas, artigo 257.

Fonte: http://www.arede.info/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...