O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Administração

Acesso a rua

Novo condomínio quer impedir acesso a via em Salvador

Publicado em: quarta-feira, 7 de março de 2012

 Moradores dizem que condomínio impede acesso a rua em Salvador

Construção de muro de 35 metros gera impasse com vizinhos no Trobogy.Obra seria realizada para cercar condomínio com autorização da Sucom.
 

 

Moradores do bairro do Trobogy, em Salvador, estão impedidos de entrar na rua Mucambo Ilhado, que possui 21 casas, depois que um condomínio vizinho, com oito prédios, ficou pronto. A razão do impasse é o limite de posse da área. O condomínio quer construir um muro de 35 metros, que vai fechar a passagem da rua.
 
Como o local já está isolado com cerca e fitas, os moradores não podem entrar. Entre eles, está o motorista José Raimundo Cerqueira. "Ficou difícil para eu entrar porque colocaram essa cerca aí", diz. A pé, os moradores precisam abaixar e passar entre as fitas de isolamento.
 
"Os seguranças estão impedindo a gente de passar. Tem carro aqui, tem moto. Nós trabalhamos e, quando chegamos aqui, eles não deixam a gente passar, e disse que de qualquer jeito vai construir o muro", afirma a manicure Ana Carla França.
 
O acesso alternativo da comunidade é do lado oposto, através de uma escada íngreme. "Não é uma subida fácil, não tem segurança nenhuma, iluminação, corrimão. É escorregadia, com muita areia. Se tiver chovendo, fica perigoso descer, pode causar algum acidente. Não oferece nenhum tipo de segurança", reclama o chaveiro Allan de Jesus. 
 
Um dos moradores da rua, que fraturou a bacia em um acidente, afirma que não sabe o que fazer para chegar até em casa.
 
"Botaram três ou quatro seguranças armados para impediram a gente de passar aqui. Como é que pode o próprio morador não poder passar por causa de uma cerca que o condomínio está fazendo? Não posso descer uma escadaria de muleta", afirma o instalador de toldo Fabio Amaral.
 
O síndico do condomínio, Fernando Conceição Júnior, apresentou uma autorização para construir um muro de 35 metros expedido pela Sucom (Superintendência de Controle e Ordenamento do Uso do Solo do Município).
 
O comerciante Roberto Carlos Nunes disse que já prestou queixa do caso na Sucom e no Ministério Público. "O Ministério Público informou que iria entrar com uma ação para ver se a gente tinha direito ou não. A Sucom informou para a gente que iria mandar um fiscal para analisar o que foi feito e que, com 20 dias, resolveria o nosso problema. Mas não temos como esperar 20 dias", aponta o comerciante.
 
A Sucom afirma que não localizou a queixa nos arquivos, mas disse que vai mandar um técnico ao local ainda nesta terça-feira (6).

Fonte: www.g1.com.br

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...