O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Manutenção

Falta de segurança

Banco e construtora condenados por falhas na construção

segunda-feira, 5 de agosto de 2019
WhatsApp
LinkedIn

Justiça responsabiliza banco e incorporadora por falhas em obra

Banco e construtora são responsáveis por obra mal-feita. Com este entendimento, o juiz Raphael Garcia Pinto, da 9ª Vara Cível de São Paulo, condenou ambos em uma ação proposta por um condomínio de edifícios que identificou problemas na construção que comprometem a segurança dos prédios. 

O banco foi acionado por ter celebrado contrato de financiamento com a incorporadora que fez o empreendimento. Depois disso, os compradores dos apartamentos passaram a fazer os depósitos diretamente ao banco. 

Após os imóveis ficarem prontos, a pessoa jurídica que se formou para cuidar do condomínio contratou um perito que atesta que as obras estão com defeitos que comprometem a segurança. 

O condomínio entrou na Justiça e a 9ª Vara Cível responsabilizou tanto a incorporadora que fez a obra quanto o banco que a financiou. Ambos terão que dividir os custos da reforma que irá consertar os defeitos.

"Fato incontroverso, também pela documentação juntada, que o banco assumiu a execução do término da obra, contratando empresa de sua confiança para realização dos serviços que permitisse a entrega das unidades aos compradores. Por certo, ao assim agir, o banco demonstrou interesse na conclusão do empreendimento, beneficiando-se economicamente da entrega dos apartamentos", disse o juiz na decisão, sobre o motivo de responsabilizar o banco.  

A defesa do condomínio foi feita pelo advogado Vinicius Simony Zwarg, do escritório Emerenciano, Baggio e Associados. 

Clique aqui para ler a decisão.

Fonte: https://www.conjur.com.br/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...