O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Inadimplência

Inadimplência em SP

Cidade é a terceira com maior número de ações do tipo

sexta-feira, 17 de agosto de 2018

SP é a 3º cidade com mais ações judiciais por falta de pagamento de condomínio

Primeiro semestre teve aumento de 3,4% de ações protocoladas do TJSP quando comparadas a 2017; Bahia e Rio de Janeiro seguem em primeiro e segundo lugares

Falta de pagamento da taxa condominial é uma das principais causas de ações protocoladas no Tribunal de Justiça de São Paulo. De acordo com a última pesquisa divulgada pelo TJSP foram registradas 1.019 ações por inadimplência condominial no mês de junho na região metropolitana de São Paulo.  

O número apresenta um aumento de 19,7%, quando comparado a maio, que teve 851 ações protocoladas.

O índice coloca a região metropolitana como a terceira com mais ações por falta de pagamento em condomínio. A Bahia fica no topo, apresentando 1.326 casos de inadimplência protocoladas no TR-BA apenas em junho. Comparando o primeiro semestre de 2017 com 2018, o estado nordestino teve um aumento de 12,6% no cumulado de janeiro a junho.

Já os cariocas ficam em segundo lugar, registrando um aumento de 3,59% de casos por falta de pagamento em condomínios. De acordo com o TJ-RJ, o Rio de Janeiro fechou o semestre com 7.170 casos de inadimplência, 249 a mais que o mesmo período do ano passado.

Segundo o especialista em compra de inadimplência em condomínios da Creditcon, Dr. Hadan Palasthy, as dívidas em taxas condominiais são comuns e o número ainda pode crescer mais, caso não sejam ofertadas soluções para estas cobranças.  “Estamos acompanhando a evolução dos números e eles estão altos. Este mapeamento tem sido crucial para levar soluções para diminuir a inadimplência nestes três estados”, explica.

Para o especialista em direito imobiliário, os condôminos podem ter deixado de efetuar os pagamentos porque, provavelmente, já possuem outras dívidas.

“Os juros cobrados na taxa condominial são menores quando comparados aos juros do cartão de crédito ou cheque especial, por exemplo. O inadimplente opta por quitar estas dívidas”, afirma.

Solução para inadimplência

O crescimento das dívidas condominiais fez com que a CreditCon vislumbrasse neste setor um nicho de mercado: cessão de crédito condominial.  Síndicos que passam por este problema têm procurado novas alternativas para lidar com as dívidas.

“A solução é simples e segura, quem entra em contato tem uma certa urgência pela resolução do problema. O condomínio nos cede o direito de cobrança do passivo condominial, então, primeiramente pagamos à vista ao condomínio, para depois seguimos com a cobrança das dívidas junto aos inadimplentes, por meio da nossa equipe especializada em cobranças”, explica Dr. Palasthy.

 “Quando um condômino não cumpre com a taxa condominial, todos os outros moradores podem ser afetados e prejudicados. Por isso, é importante contar com soluções como esta no mercado. Queremos diminuir esses números que foram apresentados e trazer mais qualidade financeira para todos”, completa Palasthy.

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...