O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Mercado

Norma de desempenho

Saiba escolher um imóvel que siga esses parâmetros de qualidade

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Engenheira explica como identificar um prédio que segue a Norma de Desempenho, em Goiânia

ABNT definiu parâmetros de estrutura e manutenção para todos edifícios construídos a partir de julho de 2013; isolamento acústico e temperatura dos ambientes estão entre os itens.

As Normas de Desempenho, aprovadas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), preveem que todo prédio siga parâmetros para melhorar o conforto e a qualidade do imóvel.

O G1 visitou um condomínio em Goiânia que segue estes padrões e levantou os principais pontos a serem observados por quem procura um apartamento para comprar (veja vídeo acima).

De acordo com Mariana Cátima, gestora de engenharia da construção de um prédio no Setor Negrão de Lima, na região norte da capital, as normas foram estipuladas para aumentar a durabilidade dos imóveis e regulam, desde o material utilizado na obra, até a manutenção a ser acompanhada pela administração do condomínio.

“O conjunto destas regras aumenta a qualidade de vida dos moradores, porque preocupa com detalhes como a temperatura do imóvel, o nível de isolamento acústico, a segurança, por meio do tipo de piso, por exemplo, além de vários outros fatores”, explicou ao G1 a engenheira.

A ABNT padronizou, por meio da norma 15.575 parâmetros para a segurança, a acústica, o isolamento térmico, a luminosidade, a acessibilidade e a rotina das manutenções feita pela administração.

Itens a serem observados:

  • Desempenho estrutural: Pé direito deve ter no mínimo 2,3 metros, no banheiro, e 2,5 metros nos demais ambientes;
  • Combate a incêndio: Fita corta fogo nas instalações elétricas e hidráulicas, para vedar as tubulações; Paredes do fosso do elevador com maior espessura e rebocadas para suportar até 2h de fogo;
  • Segurança: Reforço no guarda corpo em áreas como a garagem que fica no mezanino do prédio. Além disto, criação de uma mureta reforçada, de 0,5 metro, para conter veículo em um possível acidente
  • Conforto tátil: Piso da varanda deve ser antiderrapante, além da área de serviço e banheiros, por serem áreas molhadas;
  • Desempenho térmico: Em Goiânia, temperatura não pode ser superior a 34,6 ºC; Para isto, construtoras utilizam, além de materiais de construção diferentes, cores mais claras na fachada do prédio;
  • Desempenho acústico: Apartamentos devem ter um isolamento de 45 decibéis; Para isto, janelas com mais folhas são utilizadas;
  • Manutenção: Instalação de um quadro informativo com todos os pontos de manutenção a serem observados pela administração do condomínio e pelos moradores;

Como entre as normas de desempenho está o monitoramento da manutenção hidráulica, de pintura e elétrica, por exemplo, a engenheira explica que foi necessário fazer um treinamento junto com síndicos.

Objetivo é fazer com que condomínio siga rigorosamente os parâmetros, orientando os moradores de forma adequada para cada um cuidar do seu imóvel.

“A preocupação acontece desde o aspecto técnico, no projeto da construção, até a forma com cada um vai usar o imóvel. Por isso a participação dos síndicos é importante. Aqui neste condomínio, conforme prevê a norma, um quadro ajuda a administração a acompanhar a rotina de manutenção de vários aspectos junto com os moradores”.

“Se algum morador ignora alguma manutenção e isso gera, uma infiltração, por exemplo, isso gera um transtorno grande para todo mundo que mora no prédio”, explicou a engenheira.

Responsabilidade dos moradores

Ana Flávia Sales é síndica do condomínio Portal dos Mares, cuja obra foi acompanhada por Mariana. Ela terá que trabalhar, seguindo as normas da ABNT, com um quadro informativo para preencher, periodicamente, como está a manutenção dos pisos, das coberturas, das instalações elétricas, hidráulicas e vários outros aspectos.

“O quadro vai ser um aliado da organização com o objetivo de evitar transtornos no prédio, que acontecem, muitas vezes pela falta de manutenção. Tento esta tabela, e acompanhando item a item com os moradores de forma pública, vai aumentar a vida útil do prédio e melhorar a qualidade de vida de quem mora aqui”, contou.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...