O seu navegador é muito antigo :-(

Dica: Troque gratuitamente para um navegador mais atual para ter uma melhor experiência no SíndicoNet ;-)

Escolha um navegador ×
Segurança

Tragédia em condomínio

Marido mata esposa e se mata em seguida em condomínio em MG

Publicado em: quinta-feira, 12 de junho de 2014

Homem mata própria mulher e se suicida em Rio Acima, na Grande BH

Ele tinha 73 anos e a companheira, 68. Polícia Civil investiga motivo das mortes.
 
Um homem de 73 anos matou a mulher, de 68, e em seguida, tirou a própria vida, na noite desta segunda-feira (9), em Rio Acima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Mãe, pai e filha estavam em casa, em um condomínio.
 
A Polícia Militar (PM) disse que houve uma discussão em segundo a delegada Renata Ribeiro Fagundes, a motivação é um conflito familiar. As testemunhas, inclusive a filha do casal, vão ser ouvidas no decorrer da semana.
 
De acordo com a polícia, o marido atirou na cabeça da mulher. Na hora, a filha chamou o vizinho, que é médico, e ele constatou que a mulher já estava morta.
 
“Assim que o médico detectou o óbito, logo em seguida, o autor do disparo efetuou um disparo contra a cabeça dele. Duas armas foram apreendidas: dois revólveres calibre 38”, disse o capitão da PM Bruno Coelho.
 
O homem teria usado outro revólver para se suicidar com um tiro no ouvido. Os dois corpos foram encontrados na sala. Segundo a polícia, a família se mudou o condomínio há cerca de 40 dias.
 
A Polícia Civil está investigando o motivo da discussão e informou que o inquérito deve ser concluído em até 30 dias.

Fonte: http://g1.globo.com/

Aviso importante:

O conteúdo exibido nesta seção é gratuito, e apresenta caráter meramente informativo. O Portal SíndicoNet não se responsabiliza pelo conteúdo, nem pelas decisões baseadas nas opiniões e recomendações contidas nesta seção. Assim, o Portal SíndicoNet se exime de qualquer responsabilidade pelos eventuais danos ou prejuízos, de qualquer natureza, que possam decorrer da utilização deste conteúdo, por qualquer meio ou processo, e para quaisquer fins. Em caso de dúvidas, é indispensável a consulta a um advogado ou especialista.
Para saber mais, acesse nosso Regulamento de Uso.

Depoimentos

próximo
Receba nossos Boletins

Mantenha-se Informado com as últimas notícias da área em seu email:

{{errorMessage}}

Assinatura efetuada com sucesso!

carregando...